Rua Antenor Bérgamo, 650 - Valinhos-SP 19 99978-7721 19 3859-2626

Item adicionado ao orçamento


Sistema de Pressurização Schneider SP

Gostou? compartilhe!

Sistema de Pressurização Schneider SP

Não informado


Aplicação

Preço Sob Consulta



Clique na imagem para ampliar.

Aplicações

Pressurização de rede hidráulica em residências.

Descrição do produto

Detalhes técnicos do produto padrão

  • Modelo SP-12 C: motor IP-21 com flange incorporada, proteção térmica e capacitor permanente, 2 Polos, 60 Hz
  • Modelos SP-15 C e SP-22 C: motor IP-00 com capa de proteção, proteção térmica e capacitor permanente, 2 Polos, 60 Hz
  • Voltagem única: 127 V ou 220 V
  • Controlador eletrônico de pressão IP-65, corrente máxima 10 A, pressão máxima de trabalho 100 m c.a.,
    entrada e saída: 1” x 1”

Importante

  • A coluna de água entre a motobomba e o ponto mais alto de consumo deve ser no máximo de 12 metros para a SP-12 C, 15 metros para a SP-15 C e 22 metros para a SP-22 C. Caso a altura exceda esses limites, o controlador eletrônico de pressão não poderá ser instalado diretamente na saída da motobomba. Nesses casos, o controlador deverá ser instalado a uma altura superior a da motobomba, de modo a respeitar as condições acima citadas.
  • O controlador eletrônico de pressão é regulado pelo fabricante para ligar a motobomba quando a pressão atingir 12 m c.a. para o modelo SP-12 C, 15 m c.a. para o modelo SP-15 C e 22 m c.a. para o modelo SP-22 C. Para que o sistema opere adequadamente, a pressão máxima da motobomba (shut off) deve ser de, pelo menos, 8 m c.a. acima da pressão regulada de acionamento do equipamento.
  • Temperatura máxima do líquido bombeado: 55°C.